Ir para o conteúdo <!-- ClassCommunityPlugin not in a profile -->

Extensão

Tela cheia

A TEOLOGIA DO “EU SOU” NO ANTIGO TESTAMENTO – 2ª turma

6 de Dezembro de 2017, 10:54 , por Ana Elisa Rocha - | Ninguém está seguindo este artigo ainda.
Visualizado 187 vezes

A revelação do Nome divino na teofanía da sarça ardente: «Sou quem Sou» (Ex 3,14), vértice da revelação veterotestamentaria, se torna também vértice da revelação neotestamentaria em razão da simples identificação neste Nome por parte de Jesus, entendendo assim significar a sua natureza divina e identidade messiânica. Foi esta ‘ousadia’, no final, razão de sua condenação e ida para a cruz.

Entre os evangelistas, João é aquele que mais se destaca na sua ótica particularmente sensível em perceber o fundo hermenêutico da questão, alternando - na boca der Jesus - o «Eu Sou» em forma absoluta e lapidária, com o «Eu Sou» em várias formas predicativas.

Depois de uma introdução relativa à importância do Nome no âmbito bíblico, o Curso, na primeira parte veterotestamentaria, irá considerar as principais propostas interpretativas oferecidas pela Tradição até as mais recentes e biblicamente mais enraizadas, com consequências importantes para a reflexão teológica cristã.

 

1.   Objetivos

 

  • Compor Teologia com Espiritualidade, progresso no conhecimento teológico-bíblico-exegético com progresso na Vida espiritual;

 

  • Tornar os alunos ‘exigentes’ com o texto bíblico, tanto mais fecundo quanto mais próximo aos originais, também apontando subsídios para melhor aproximação.

 

2.   Público Alvo

 

Agentes de Pastoral, Animadores de Comunidades, Professores de Ensino Religioso, Cristãos das comunidades eclesiais e demais interessados.

 

3.   Vagas

40 vagas

  

4.   Local

Campus de Federação

 

5.   Carga Horária

 40h

 

6.   Datas

 

Módulo I: Teologia do Eu Sou no AT

Turma 3 (quintas): 18, 25/01; 01, 15 e 22/02; 01, 08 e 15/03 (14 às 17:30);

 

 

7.   Conteúdo Programático

 

Módulo I: Teologia do Eu Sou no AT

- A revelação do Nome divino ‘sobre a sarça’:

  estado geral da questão

- Importância do Nome no âmbito bíblico

- O Nome revelado

- A pergunta de Nome dirigida a  ’Elohîm

- A interpretação do Nome na tradição

- As principais propostas interpretativas

- Interpretação cristológica

- O estado de impasse da exegese na ordinária assimilação de ‘Ehjeh ‘Ašer ‘Ehjeh a Jhwh

- Sobre o discernimento necessário entre ‘Ehjeh ‘Ašer ‘Ehjeh e Jhwh 

  1. a) O Nome revelado em primeira pessoa

  Excursus:  O conhecimento 'no Nome' 

  1. b) O relevo de uma estrutura subjacente à expressão do Nome

- Premissas à leitura interpretativa proposta

  1. a) «Ouvir (/ sentir) e ver»: uma constante na experiência teofânica bíblica
  2. b) O conceito de ‘Voz’ em relação ao Nome
  3. c) A estrutura formal da expressão ‘Ehjeh ’Ašer ‘Ehjeh

 

A leitura interpretativa proposta

- Os termos próprios 

- Sobre o conceito de Voz e de Eco de Voz

- A Voz e o médium de ressonância 

- O Nome divino ‘na sarça’ revelado fundamento ao mistério de morte-ressurreição 

- ‘Ehjeh ’Ašer ‘Ehjeh em relação aos termos teologais do Mistério Trinitário

 

 

8.   Corpo Docente: Prof. Francesco Bindella

 

 

Possui Mestrado em Teologia Espiritual pela Pontifícia Universidade Gregoriana (Roma 1972) e Doutorado em Teologia Bíblica pela Pontifícia Faculdade S. Tomás de Aquino (Nápoles 1991). É Professor na Faculdade S. Bento da Bahia, ministrando cursos de Teologia Bíblica e Pneumatologia. Na Itália é Diretor do Centro de Estudos teológicos-bíblicos Il Presidio (Associação Civil e Canônica da Diocese de Fano, desde 1980). E autor da Collectio Praesidium Assisiense (Edições Porziuncola, Assis), coleção de textos que tem inaugurado uma mova linha hermenêutica numa revisitação de temáticas bíblicas, teológicas e espirituais, a partir do fundamento bíblico do Eu Sou. É sócio ordinário da Associação Teologica Italiana (ATI) e da Associação  Biblica Italiana (ATI).

 

Currículo Lattes: http://lattes.cnpq.br/4468128515541219

 

9.    Metodologia e Avaliação

O processo avaliativo é realizado de forma continuada e dinâmica, considerando do aluno: a participação, a frequência, o interesse nos trabalhos individual ou em grupo, a avaliação escrita.

 

10.  Certificação

O certificado será emitido pela Universidade Católica do Salvador, encaminhados por meio digital após a conclusão do curso para os alunos que tiveram frequência de 75% da carga horária total do curso.

 

11.  Investimento estimado

 

R$ 80,00

 

Informações:

(71) 3206-7979

extensao@ucsal.br