Ir para o conteúdo

Território, Ambiente e Sociedade

Tela cheia

Corpo Docente

27 de Janeiro de 2021, 19:35 , por ascom - | Ninguém está seguindo este artigo ainda.
Visualizado 830 vezes

Amilcar Baiardi

Graduação em agronomia pela Universidade Federal da Bahia, pós-graduação em Reforma Agraria y Desarrollo Rural pelo IICA-CIRA da OEA, mestrado acadêmico em Desenvolvimento, Agricultura e Sociedade pela Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, doutorado em Ciências Humanas pela UNICAMP, tendo realizado o pós-doutorado na área de história das políticas de ciência e tecnologia no IMSS, Firenze, Itália em 1994. Atualmente é professor adjunto do Programa de Pós-Graduação em Planejamento Territorial e Desenvolvimento Social, da Universidade Católica do Salvador. É membro titular fundador da Academia de Ciências da Bahia. Nas grandes áreas de Ciências Sociais Aplicadas e Ciências Humanas, tem como eixo de pesquisa e ensino, Ciência e Tecnologia, nas dimensões política, histórica, social, econômica e papel da C&T no desenvolvimento local e rural.

Currículo Lattes: http://lattes.cnpq.br/5894026951550520

 

André Alves Portella

Bolsista de Produtividade do CNPq (PQ2); Mestre e Doutor em Direito Financeiro e Tributário pela Universidad Complutense de Madrid; Advogado e Consultor Tributário de empresas, cooperativas e Municípios no Estado da Bahia; Coordenador do NEF – Núcleo de Estudos em Tributação e Finanças Públicas; Membro do Comitê de Ética em Pesquisa (CEP) da UCSal; Avaliador do INEP/BASiS; Ex-Conselheiro do Conselho de Assuntos Fiscais e Tributário (CAFT) da Federação das Indústrias do Estado da Bahia (FIEB); Ex-Conselheiro do Conselho de Contribuintes do Município de Salvador; Ex-Assessor de Desembargador do Tribunal de Justiça do Estado da Bahia; Ex-Membro da Câmara de Assessoramento para a Área de Ciências Sociais da FAPESB.

Áreas de Interesse: Tributação e desenvolvimento social; Financiamento das políticas públicas; Orçamento Público e Direitos Fundamentais; Pensamento Crítico da Responsabilidade Fiscal; Dívida e Endividamento.

Currículo Lattes: http://lattes.cnpq.br/1782631349656661

 

Aparecida Netto Teixeira

Doutora em Estruturas Ambientais Urbanas pela Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de São Paulo - FAUUSP (2004). Mestre em Estruturas Ambientais Urbanas pela FAUUSP (1998). Foi coordenadora de Fomento à Produção de Habitação Popular, da Secretaria de Habitação da Prefeitura Municipal do Salvador/BA, de 2005 a 2008. Atualmente é Professora Adjunta do Programa de Pós-Graduação em Planejamento Territorial e Desenvolvimento Social da Universidade Católica de Salvador (UCSAL) e Coordenadora do Curso de Arquitetura e Urbanismo (UCSAL). Coordenadora do Grupo de Pesquisa Gestão Democrática das Cidades (CNPq/UCSAL). Tem experiência na área de Arquitetura e Urbanismo, com ênfase principalmente nos seguintes temas: habitação de interesse social, política urbana, espaço público, planejamento e projeto urbano.

Currículo Lattes: http://lattes.cnpq.br/4602341145962830

 

Cristina Maria Dacach Fernandez Marchi

Titulação: Doutorado em Geologia pela Universidade Federal da Bahia.

Linha de pesquisa: Planejamento e Gestão Ambiental dos Resíduos Sólidos no Estado da Bahia; Formação e Capacitação de Cooperativas e Pequenos Empreendedores e Observatório de Políticas Públicas em Saúde, Saneamento e Educação Profissional (OBSERVA POLÍTICAS).

Áreas de interesse: Ciências Sociais Aplicadas – Planejamento Urbano e Regional e Administração.

E–mail: cristina.marchi@ucsal.br

Currículo Lattes: http://lattes.cnpq.br/7266933374095729

 

Cristina Maria Macêdo de Alencar

Doutora em Ciências Sociais e Desenvolvimento, Agricultura e Sociedade e Mestrado em Ciências do Desenvolvimento Agrícola pela Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro. Especialização em Metodologia e Didática do Ensino Superior pela Universidade Católica de Salvador. Graduação em Ciências Econômicas também pela Universidade Católica de Salvador. Atualmente é professora adjunta do Programa de Pós-Graduação em Planejamento Territorial e Desenvolvimento Social da Universidade Católica do Salvador. Lidera o grupo de pesquisa Desenvolvimento, Sociedade e Natureza. Integra as seguintes redes: Rede de Estudos Rurais, Rede de Ciências Sociais e Barragens e Rede de Desenvolvimento, Ensino e Sociedade.

Currículo Lattes: http://lattes.cnpq.br/2257876241055037

 

Geraldo Jorge Barbosa de Moura

PROFESSOR & PSICANALISTA. Pós-Doutorado em Comportamento pelo Centro de Investigação em Biodiversidade e Recursos Genéticos da Universidade do Porto/Portugal, Doutorado em Ciências Biológicas pela UFPB-UFRN/Brasil e UBA/Argentina, Mestrado em Paleontologia pela UFPE/Brasil e UBA/Argentina, Especialização em Anatomia e Morfologia Humana pela UFPE/Brasil, Especialização em Zoologia pela UFRPE/Brasil, Aperfeiçoamento em Bioquímica pela UFPE/Brasil, Aperfeiçoamento em Gestão Ambiental pela UFF/Brasil, Graduação em Ciências Biológicas pela UFPE/Brasil e realiza curso de Formação em Psicanálise pela Sociedade Psicanalítica do Recife-SPRPE/FEBRAPSI-Brasil/IPA-Londres). Atualmente atua como Professor e Pesquisador da Universidade Federal Rural de Pernambuco (SIAPE: 1436044), lecionando e orientando alunos da graduação dos cursos presenciais em Ciências Biológicas (Licenciatura e Bacharelado) e do curso EAD em Pedagogia, assim como dos Programas Acadêmicos de Pós-Graduação Stricto Sensu em Ecologia (Mestrado), Ciência Animal Tropical (Mestrado e Doutorado) e Ciências Ambientais (Mestrado e Doutorado); além de orientar nos Programas de Pós-graduação em Planejamento Ambiental da UCSAL (Mestrado e Doutorado); Ecologia Humana da UNEB (Mestrado e Doutorado); Geociências e Paleontologia da UFC (Mestrado e Doutorado). Tem experiência em pesquisa, atuando principalmente nas áreas: 1-Comportamento; 2-Ecologia Trófica, Ecologia Reprodutiva, Ecologia Parasitária, Morfologia, Biologia Isotópica, Bioacústica e Conservação de Anfíbios e Répteis (exceto Serpentes); 3-Paleontologia de Anfíbios Anuros; 4-Hirudíneos parasitas de Anfíbios e Répteis; 5-Gestão Ambiental; 6-Psicanálise Teórico-Clínica e Ensino. Atua como Membro do Corpo Editorial de Revistas Nacionais e Internacionais. Atualmente lidera o grupo de pesquisas institucionais/CNPq: Grupo de Estudos Herpetológicos e Paleoherpetológicos do Nordeste e é Curador da Coleção Científica Herpetológica e Paleoherpetológica da UFRPE e da Coleção Científica de Hirudineos da UFRPE. CRBIO: 36.658/5-D. CTF IBAMA/SISBIO: 467810. ORCID iD: https://orcid.org/0000-0001-6035-516X. 

Currículo Lattes:: http://lattes.cnpq.br/1348666346504103

     

Laila Nazem Mourad.

Arquiteta e Urbanista. Professora, pesquisadora e coordenadora do Programa de Pós-Graduação em Planejamento Territorial e Desenvolvimento Social da Universidade Católica do Salvador. Realizou o doutorado (2011) e pós-doutorado (2011/2015) no PPGAU/UFBA, com período sanduíche na Université Paris-Dauphine - Paris IX (2009) e Mestrado pela PUC Campinas, com período sanduíche na Université Pierre-Mendès-France - Grenoble II (2000). É pesquisadora associada do núcleo Salvador do Observatório das Metrópoles. Lidera o grupo de pesquisa Desenvolvimento Municipal e tem como principais áreas de ensino e pesquisa: Conflitos Territoriais, Habitação Social, Justiça Ambiental, Urbanismo e Planejamento Urbano e Regional e processos de reabilitação em centro histórico.

Currículo Lattes: http://lattes.cnpq.br/8464508890621003

 

LIANA SILVIA DE VIVEIROS E OLIVEIRA

Doutora em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade Federal da Bahia (2018) e integrante do grupo de pesquisa Lugar Comum. Possui graduação em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade Federal da Bahia (1991) e mestrado em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade Federal da Bahia (2005). Foi Superintendente de Habitação da Secretaria de Desenvolvimento Urbano do estado da Bahia (2007-2011). Tem experiência na área de Arquitetura e Urbanismo, com ênfase em Planejamento Urbano e Habitação, atuando principalmente nos seguintes temas: desenvolvimento urbano, planejamento urbano, habitação de interesse social, meio ambiente, paisagismo, projeto urbanístico e arquitetônico. Foi professora efetiva do Curso de Arquitetura e Urbanismo da Universidade Salvador (Unifacs) e professora substituta do Curso de Arquitetura e Urbanismo da UFBA. Foi também professora do curso de especialização lato sensu em Planejamento e Gestão de Cidades da Unifacs no período 2005 a 2007. É professora colaboradora da Residência em Arquitetura e Urbanismo/ Especialização, da Universidade Federal da Bahia (UFBA) desde 2011, professora efetiva do curso de Arquitetura e Urbanismo e professora colaboradora do Programa de Pós-graduação em Planejamento Territorial e Desenvolvimento Social da Universidade Católica do Salvador.

 

Currículo Lattes: http://lattes.cnpq.br/8583090742995485

 

Liliane Vasconcelos

Doutora em Letras pela Universidade Federal da Bahia. Coordenadora do Centro de Escrita Científica da UCSal,  Líder do Grupo de Pesquisa Temporalidades Urbanas. Tem interesse nas áreas: Imaginário Urbano, Cidade e Cultura, Representações da Urbanidade, Cidade e Linguagens.

Currículo Lattes: CV: http://lattes.cnpq.br/6135519310756165

 

Maina Pirajá Silva

Licenciada, bacharel, mestre e doutora em Geografia pela UFBA. Pós-doutoranda em Planejamento Territorial e Desenvolvimento Social pela UCSAL. Líder do Grupo de estudos de Áreas Metropolitanas (GAM)/UCSAL. Desenvolve pesquisas na área da Geografia Urbana e Regional, com ênfase em análises sobre planejamento, governança, dinâmicas e transformações espaciais em áreas metropolitanas, atuando ainda nas temáticas sobre Análise de dados, Cartografia temática e Geoprocessamento.

Currículo Lattes: http://lattes.cnpq.br/1454954636042924

 

Manuel Vitor Portugal Gonçalves

Biólogo nº 59.217/08-D, possui graduação em Ciências Biológicas (UCSAL), mestrado em Planejamento Ambiental (UCSAL) e doutorado  em Geologia Ambiental, Hidrogeologia e Recursos Hídricos (UFBA). Foi bolsista CNPq (2010 - 2014), com experiência em pesquisas de ecologia aplicada na avaliação de ecossistemas costeiros e aquáticos, de investigação da relação meio ambiente, sociedade e saúde, na caracterização geoquímica e hidrogeologia isotópica, na análise da qualidade da água (química, física e microbiológica) e na aplicação de estatística multivariada em estudos ambientais. Integra o corpo docente permanente do Programa de Pós-Graduação em Planejamento Territorial e Desenvolvimento Social (Mestrado e Doutorado) na UCSAL e é docente da Rede Estadual de Educação do Estado da Bahia (SEC-BA). Está vinculado ao grupo de pesquisa Geoquímica das Interfaces (UFBA), preocupando-se com as relações entre as Geociências e a Saúde, tomando como valor central a dignidade humana e a dignidade da natureza. É membro do grupo Desenvolvimento, Sociedade e Natureza (UCSAL), na linha de pesquisa Conflitualidade socioambiental e planejamento, onde desenvolveu pesquisas de ecologia aplicada ao estudo de manguezais, biogeoquímica e subsídios ao gerenciamento ambiental em zonas costeiras. Participa como pesquisador e voluntário da rede de monitoramento da qualidade da água na Lagoa do Parque Metropolitano de Pituaçu, Salvador, Bahia, em colaboração com a Fundação SOS Mata Atlântica, do Posto Avançado da Reserva da Biosfera da Mata Atlântica (UNESCO) e do Programa de Pós-Graduação em Planejamento Territorial e Desenvolvimento Social da UCSAL.

Currículo Lattes: http://lattes.cnpq.br/8028380853221190

 

Maya Constance Manzi Delaporte

Possui doutorado em geografia pela Clark University, Estados Unidos (2013), mestrado em geografia pela McGill University, Canadá (2005) e graduação em geografia pela Université Laval, Canadá (2002). Realizou um pós-doutorado (2014-2016) no Programa de Pós-Graduação em Arquitetura e Urbanismo da Universidade Federal da Bahia (PPGAU-UFBA) em Salvador, na função de coordenadora executiva do Projeto de Extensão Universitária "Plano de Bairro 2 de Julho". Realizou um pós-doutorado (2017-2019) internacional, interinstitucional e interdisciplinar no Mecila (Maria Sibylla Merian Centre Conviviality-Inequality in Latin America), sediado no CEBRAP (Centro Brasileiro de Análise e Planejamento) e na USP (Universidade de São Paulo), São Paulo. Atualmente é professora e pesquisadora do Programa de Pós-Graduação em Planejamento Territorial e Desenvolvimento Social da Universidade Católica do Salvador (PPTDS-UCSAL) e do Programa de Graduação em Geografia da UCSAL. Integra a Rede de Pesquisadores em Geografia (Socio)Ambiental (RP-G(S)A) e coordena o Grupo de Pesquisa em Ecologia Política, Desenvolvimento e Territorialidades (GP-EPDT). Atua nas áreas de geografia agrária, urbana e regional, com temas relacionados à economia e ecologia política do desenvolvimento, movimentos e conflitos territoriais e socioambientais, planejamento insurgente e direito à cidade, convivialidade/desigualdade na América Latina e políticas e práticas do conhecimento.

Currículo Lattes:http://lattes.cnpq.br/8503991514615478

 

Moacir Santos Tinôco

Doutor em Biologia da Conservação com ênfase em Manejo da Biodiversidade no DICE, University of Kent at Canterbury – Reino Unido.

Linha de pesquisa: Biologia da Conservação, Herpetologia, Resíduos Marinhos, Etnoherpetologia, Educação Ambiental voltada à Biodiversidade; Biodiversidade e Gestão Ambiental; Ecologia e Conservação Animal; Manejo da Biodiversidade; Planejamento Ambiental; Manejo e Propagação de Animais Selvagens em Cativeiro; Manejo da Biota Neotropical; Paisagem Acústica.

Áreas de interesse: Biologia da Conservação; Herpetologia; Planejamento Ambiental; Educação Ambiental aplicada à Biodiversidade; Morfologia dos grupos recentes; Biodiversidade e distribuição geográfica; Ecologia aplicada; Resíduos Marinhos; Ecologia de paisagens; Modelagem Ambiental; Modelos de Ocupação e Detectabilidade; Espécies ameaçadas; Animais de Interesse Médico; Monitoramento Ambiental; Diagnóstico, manejo e monitoramento de fauna; Antropologia e conservação; Desenvolvimento e sustentabilidade.

E-mail: moacir.tinoco@ucsal.br 

Currículo Lattes: http://lattes.cnpq.br/0433618384031837

 

Pedro de Almeida Vasconcelos

Graduado em Geografia pela Unicap; Mestre em Urbanismo pela Université Catholique de Louvain; Ph.D em Geografia pela Université d´Ottawa e Pós-doutorado pela Université Paris IV – Sorbonne. Professor Titular em Geografia da Ufba. Atua nos Programa de Pós-Graduação em Planejamento Territorial da Ucsal e em Geografia da Ufba. Pesquisador 1-A do CNPq. Membro Titular da Academia de Ciências da Bahia (2018). Tem várias publicações e premiações. Pesquisas em desenvolvimento: Os Antecedentes do Trabalho Informal Urbano; Salvador: transformações e permanências e outros estudos. Atua na área de Geografia Histórica; Teorias sobre cidades.

Currículo Lattes: http://lattes.cnpq.br/6592341965132312

 

Silvana Sá de Carvalho

Doutora em Geografia pela Universidade Federal de Sergipe (2006). Mestre em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade Federal da Bahia (2002) e Especialista em Geoprocessamento (1996). Possui graduação em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade Federal da Bahia (1995). Atualmente é Pró-Reitora de Pesquisa e           Pós-Gradução e professora do Programa de Pós-Graduação em Planejamento Territorial e Desenvolvimento Social da Universidade Católica do Salvador (UCSAL). Áreas de interesse: Urbanismo e Planejamento Urbano e Regional, com ênfase em Geoprocessamento e Planejamento Territorial, atuando principalmente nos seguintes temas: Geoprocessamento, Técnicas de Análise Urbana e Regional, Análise de Dados Geográficos, Cartografia Temática e Cidades Digitais.

Currículo Lattes: http://lattes.cnpq.br/2509418288797497